BUSQUE NO SITE

Fechar ▲

Pai é denunciado à polícia por não ter a mesma cor de pele que seu filho

Jason Thompson, 39 anos, tem um filho chamado Xavier de 4. Ao volta para casa em um determinado dia, ele jamais esperou passar por uma situação absurda e irritante. Uma suspeita sem nenhum fundamento gerou um encontro desnecessário com a polícia no dia 15 de Março de 2016. O pai estava com o filho a caminho de casa depois de terem saído para se divertir, até que então o motorista parou o ônibus.

Pai é denunciado à polícia por não ter a mesma cor de pele que seu filho

Jason notou que ninguém desceu do veículo e então dois policiais chegaram, um nos fundos e outro direto para ele."Ele andou até mim e me perguntou: 'ele é seu filho?", contaJason, que confirmou a pergunta mas mesmo assim recebeu o pedido do policial que o levou para fora do ônibus para conversarem. De acordo com o site BuzzFeed, o policial disse que recebeu um telefonema dizendo que "algo estava errado", porque o pai não tinha a mesma cor de seu filho. Jason mal conseguia acreditar no que estava acontecendo! Um ato de preconceito escancarado!

Pai é denunciado à polícia por não ter a mesma cor de pele que seu filho

Jason tem descendência jamaicana, mas tem albinismo. Sua esposa é da índia e seu filho não herdou o albinismo do pai, sendo assim, ele tem suas características diferente de seus pais. A polícia teve uma atitude amigável, já que sabiam logo de cara que nada estava errado com o pai e o filho, mas era obrigação deles averiguar a situação já que receberam uma chamada. Os policiais levaram a criança e o pai para casa e ainda ligaram a sirene para divertir o pequeno Xavier. No entanto, Jason ainda se sentiu abalado como em pleno 2016 em uma cidade como Toronto, ainda exista esse tipo de preconceito. "Ele não estava sendo puxado ou estava gritando, estávamos tendo momento divertido. Nós cantamos e nos divertimos ", explica Jason.

Pai é denunciado à polícia por não ter a mesma cor de pele que seu filho

Casos assim acontecem o tempo todo e são considerados "normais" por muita gente. São clássicos de pessoas que não entendem nada, que não conseguem assimilar a ideia de casais inter-raciais e ainda julgam as situações pela cor da pele. Foi ótimo que a polícia tenha averigue casos que pareçam suspeitos, contudo, o preconceito instalado na mente de muita gente dificulta esse trabalho e acaba atrapalhando. Era apenas um pai sendo amável com seu filho.

Sobre:

Best of Web

Compartilhar no Facebook