BUSQUE NO SITE

Fechar ▲

Gay assumido vai liderar Exército norte-americano pela primeira vez

O novo secretário do Exército dos Estados Unidos, Eric Fanning, é o primeiro comandante assumidamente homossexual. Ele vai comandar as tropas terrestres norte-americanas.

Antes de assumir o novo posto, Eric era vice-secretário da Defesa, conselheiro mais próximo do chefe do Pentágono, Ashton Carter. Demos essa notícia neste post.

“Eric traz muitos anos de experiência e liderança excepcional para esse novo posto”, disse o presidente Barack Obama, na época. “Sou muito grato por seu comprometimento com nossos homens e mulheres fardados, e estou confiante de que ele vai ajudar os soldados americanos com distinção. Estou ansioso para trabalhar com Eric e manter nosso Exército como o melhor do planeta.”

A nomeação de Eric faz parte da política de integração dos homossexuais às Forças Armadas do país, abolindo a norma “não pergunte, não diga”, que permitia os homossexuais entrarem no serviço militar se não demonstrassem sua orientação sexual.

“Como veterano da Marinha, eu dou todo meu apoio ao Sr. Eric Fanning para este posto”, disse o senador do Partido Republicano Pat Roberts, ao anunciar a decisão do Senado, acrescentando que sempre viu em Fanning a pessoa certa para liderar cerca de 470 mil militares.

A nomeação de Eric foi bem recebida pela comunidade gay norte-americana. O novo comandante disse na sua página no Facebook que está honrado com a nomeação. “Vamos trabalhar”, escreveu.
Gay assumido vai liderar Exército norte-americano pela primeira vez
Compartilhar no Facebook