BUSQUE NO SITE

Fechar ▲

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

A fotógrafa Kathy Rosario resolveu registrar o parto natural que sua amiga realizaria, para dar à luz a seu bebê. Ao ficar sabendo que a amiga pretendia realizar o procedimento em casa, em uma banheira, Kathy acreditou que o ensaio poderia contribuir com sua experiência de fotografar bebês.

“Para mim, não há nada mais impressionante do que ver uma mulher dar à luz, e quando é no conforto da sua própria casa, ela se sente ainda mais especial”, disse Kathy.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

 

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

O parto realizado em uma banheira com água morna pode ser mais antigo do que se imagina. Antigos hieróglifos revelam que bebês de famílias reais nasciam com esse procedimento, na Grécia Antiga. Acredita-se que aborígenes australianos e povos de ilhas do sul do Japão também praticavam este tipo de parto.

Os registros confirmam que o primeiro parto na água relatado, aconteceu em um vilarejo na França, em 1805, publicado no jornal Annales de la Societé de Medécine Pratique de Montepellie.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

Kathy sabia que o momento poderia ser especial e único, tanto para a mãe, quanto para todos que pudessem ver o ensaio. “O nascimento foi pura felicidade e tranquilidade, pois o bebê era muito aguardado. Eu fotografei poucos nascimentos em minha carreira, mas nenhum foi tão tranquilo em comparação com a serenidade de um parto na água, em casa”, relatou a fotógrafa, surpresa.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

Ela concluiu: “As mães são os seres mais apaixonantes do planeta! Olhe para as fotos inestimáveis e verão o quão incrível o corpo humano pode ser!”.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

De acordo com Lucas Barbosa da Silva, Médico do Hospital das Clínicas da UFMG, há alguns riscos que o parto na água pode representar. “Existem riscos de infecção para a mãe e para o recém-nascido, risco de hemorragia materna pós-parto, risco de asfixia neonatal e risco neonatal de aspiração de água (afogamento). Mas existem poucos casos descritos na literatura médica dessas complicações”, concluiu o especialista.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

“Deve-se evitar assistir ao parto na água de gestantes diabéticas ou com bebês muito grandes (mais de 4 Kg pelo peso fetal estimado ao ultrassom durante o pré-natal). Além disso, o sangramento uterino durante a saída da placenta é difícil de ser quantificado na água e por isso a dequitação placentária (retirada da placenta) deve ser realizada fora da água”, explicou Lucas.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

 

O benefício que alguns especialistas atribuem ao parto realizado na água, é que a gestante faz menos esforço e gasta menos energia durante o trabalho de parto e se recupera de forma mais rápida.

Fotógrafa registra parto natural de amiga dentro de banheira e as imagens são emocionantes!

“Além disso, o relaxamento mental e muscular levam à uma aceleração na dilatação do colo uterino e uma progressão mais rápida do parto. Em relação ao períneo, devido ao efeito hidrostático e ao relaxamento da musculatura perineal, ocorre menor incidência de lacerações e/ou edemas”, concluiu o especialista.

Sobre:

Via jornal ciência

Compartilhar no Facebook