BUSQUE NO SITE

Fechar ▲

Ela foi barrada de assumir cargo de professora por ser obesa e dois anos depois...

“Valeu a pena lutar, todas as lágrimas derramadas, todo o nervoso que eu passei. Essa vaga sempre foi e minha e agora, de fato, ela será”
Em 2014, Ana Carolina Buzzo Marcondelli, professora e bióloga de 30 anos, passou em 15º lugar no concurso da Secretariade Educação do Estado de São Paulo. Porém, durante seu exame médico ela foi proibida de tomar posse. Na época, Ana que tem 1,65m pesava 119Kg e foi considerada com obesidade mórbida, com IMC 43, além de possuir outros problemas de saúde.
Ela foi barrada de assumir cargo de professora por ser obesa e dois anos depois...
Desde então, a professora esteve batalhando para conseguir tomar posse na vaga que lhe era sua. Primeiro, ela recorreu ao Departamento de Perícias Médicas do Estado duas vezes, que foi negado e então entrou na justiça, que determinou uma nova perícia em novembro de 2015, no Instituto de Medicina Social e Criminologia de São Paulo.
Ela foi barrada de assumir cargo de professora por ser obesa e dois anos depois...

Até o dia do exame, Marcondelli passou por uma cirurgia de redução no estômago, perdendo 30 quilos e acabou ganhando a ação na justiça que lhe dá o direito de assumir a vaga! Com o novo peso, Ana tem o Índice de Massa Corporal de 33,8 e não é mais considerada com obesidade mórbida. Em entrevista ao UOL, a professora deixou claro que não fez a cirurgia para assumir a vaga. “Fiz a cirurgia para ter melhor qualidade de vida. Estou feliz com os 30 quilos que perdi e continuo saudável.”
Ela foi barrada de assumir cargo de professora por ser obesa e dois anos depois...
Feliz com o resultado, a professora mostrou estar pronto pro novo trabalho. "Vou ensinar de uma maneira que todos eles [os alunos] vão querer muito aprender, sempre buscando mais. Vão se tornar seres pensantes e nunca vão deixar serempassados para trás. A minha missão como professora recomeçará."
Compartilhar no Facebook