BUSQUE NO SITE

Fechar ▲

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

A menina russa Virsaviya Borun, de 6 anos, nasceu com uma rara condição que fez os médicos concluírem que ela dificilmente sobreviveria. Ela nasceu com o coração fora da caixa torácica, envolto apenas de uma fina camada de pele.

A doença, que se chama Pentalogia de Cantrell, faz com que os órgãos se desenvolvam em outra área do corpo e afeta 5,5 bebês a cada milhão de nascimentos.

"O médico disse que ela não iria sobreviver", revelou a mãe, Dari Borun, em entrevista à NBC Miami.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

Mas a garotinha venceu seus limites e, atualmente, leva uma vida normal: dança, desenha, gosta de pôneis, golfinhos e escuta Beyoncé.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

"Não parece que está doente: vai à escola, aula de artes, igreja, vê seus amigos, vai ao parque, à piscina, à praia. Faço tudo para que ela tenha uma vida normal", conta a mãe.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

No entanto, qualquer pequeno baque ou queda poderia acarretar em danos significativos para a sua saúde. Mesmo diante dessa fragilidade, Virsaviya não demonstra qualquer tipo de vitimização.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

"Ela tem orgulho de seu coração. Às vezes me pergunta por que ela não é como os outros, por que ninguém mais tem o coração assim. E não posso responder completamente essas perguntas, mas digo que Deus a fez especial e única", conta Borun.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!

"Eu sei porque tenho o coração do lado de fora. É porque Jesus quer demonstrar que pode fazer coisas especiais como eu", disse Virsaviya recentemente em uma entrevista ao canal Telemundo 51.

Deus deu a essa pequena garota um coração especial. E a sua história é inacreditável!
Sobre:

Via Best of Web

Compartilhar no Facebook